fbpx

Projeto “Change 2 Regard”: reunião em França permitiu aprofundar trabalho sobre inclusão social e prática musical

Cerca de dois meses depois do último encontro, na Bélgica, os parceiros do projeto europeu “Change 2 Regard” voltaram a encontrar-se, desta vez em França, para dar seguimentos aos trabalhos desta iniciativa que pretende questionar o papel da inclusão social no acesso à prática musical, à formação e ao vínculo social. A acompanhar o grupo de profissionais da APCC que marcaram presença (e de que faziam parte quatro membros da banda 5ª Punkada) estiveram ainda dois elementos ligados ao Conservatório de Música de Coimbra.

Do programa desta reunião transnacional fez parte mais uma interpretação ao vivo da peça audiovisual “Pontes Sonoras” – já anteriormente apresentada em Coimbra e Bruxelas – uma criação do grupo pop/rock da APCC e os alunos do Curso Profissional de Instrumentista de Jazz do Conservatório, com a colaboração de alunos do curso de Artes Visuais da Escola Básica e Secundária da Quinta das Flores e do curso de Dança da Escola Artística do Conservatório, que aborda a questão da gestão emocional em tempos de pandemia.

Foi, de resto, a primeira parte de um concerto que incluiu ainda “Nous sommes des voix sans bouches”, um conjunto de temas musicais criados em parceria pelo cantor francês Dominique A e membros da companhia teatral Le Cercle Karré.

Mas, ao longo de seis dias de trabalho, houve ainda oportunidade para os representantes dos diversos parceiros – APCC, Collectif T’Cap (França) e Nos Pilifs (Bélgica) – explorarem as possibilidades da fabricação digital, conhecerem projetos e instituições que também operam na área da inclusão pela cultura e trocarem ideias e experiências musicais, entre outras atividades.

O projeto “Change 2 Regard – Place des personnes en situation de handicap: un projet sociétal” tem prevista uma reunião final a realizar em Portugal, onde será feito um balanço global da iniciativa e das ações desenvolvidas, entre as quais estará um manual de boas práticas sobre música, tecnologia e acessibilidade.

Este émais um dos vários projetos desenvolvidos na APCC com apoio do programa Erasmus+, como é o caso também do “SIM – Social Inclusion Marketing”, do “Moonwalk – empoweing young people living with disabilities” ou do “RunFree: RaceRunning – Speed and Freedom for All”. Pode saber mais sobre projetos, em curso ou já concluídos, em www.apc-coimbra.org.pt/?cat=8.