Os ensaios ainda não terminaram, mas os SaraNino já estão mais do que prontos para representar a APCC no Festival da Canção

Já não é a primeira vez que as coisas assim acontecem: Paulo Jacob, musicoterapeuta e professor da APCC, ‘transforma-se’ em caça-talentos e procura entre os utentes da Associação quem queira desfrutar do prazer da música e mostrar o seu talento em público. Juntos, fazem nascer e crescer uma canção para representar a APCC no Festival Nacional da Canção para Pessoas com Deficiência Mental.

Este ano, será uma dupla a subir ao palco: Sara Casimiro e Sérgio ‘Nino’ Conceição formam os SaraNino e, acompanhados por Paulo Jacob, interpretarão “Labirinto”, um tema sobre a(s) memória(s) e como escolhemos viver com elas, com que todos nos poderemos identificar. Poderá ser escutado já no dia 14 de outubro, no Cine Teatro da Lousã (o Festival tem início às 21H00).

Será o culminar de meses de muito trabalho – em particular, nas últimas semanas – na sala do Departamento de Música da APCC, com os ensaios a sucederem-se e todas as arestas a serem limadas para que, quando chegar a hora da apresentação, a Sara e o Nino possam sentir-se confiantes e gozar o momento.

Esta será a sétima edição do Festival Nacional da Canção para Pessoas com Deficiência Mental, que vai já na sua sétima edição e é organizado pela ARCIL – Associação para a Recuperação de Cidadãos Inadaptados da Lousã. Tem como objetivos sensibilizar a sociedade para uma mudança de atitudes face a estas pessoas e às suas potencialidades artísticas, promover o intercâmbio de experiências entre entidades de reabilitação no domínio da expressão artística e promover a participação de pessoas com deficiência mental num evento cultural de âmbito nacional valorizando as suas capacidades.

O vencedor representa Portugal no certame correspondente a nível europeu, nos anos em que este se realiza. O troféu continental já foi, de resto, conquistado por duas vezes pela APCC: em 2005 (com Rita Joana e Márcio Reis) e em 2014 (com Paulo Jesus, Pedro Falcão, Paulo Casal e Márcio Reis).

A participação da Associação no Festival Nacional da Canção insere-se no conjunto de atividades realizadas no Departamento de Música, onde se trabalha ao nível da musicoterapia, educação musical adaptada e expressão musical adaptada, além da existência de vários grupos, com diversas apresentações em público. Pode saber mais em www.apc-coimbra.org.pt/?page_id=163.