Nos últimos Almoços Interculturais deste ano, regressámos a casa

Foram três semanas a ‘viajar’ pela Itália, Alemanha e Áustria, mas ontem e anteontem – naqueles que foram os últimos Almoços Interculturais de 2017 – invertemos a premissa desta iniciativa do Gabinete de Voluntariado da APCC e ‘regressámos’ a Portugal para mostrar às nossas voluntárias europeias Federica Usai, Maria Cristina Marcosano, Anthea Bıçakçıoglu e Anna Vukadin algo típico da cozinha tradicional portuguesa.

Por isso, desta vez os colaboradores e utentes da instituição foram brindados com um saborosíssimo caldo verde e umas extraordinárias pataniscas de bacalhau com arroz (e ainda houve pastéis de nata como bónus), graças ao enorme talento culinário das nossas equipas de cozinha, tanto no Centro de Reabilitação, como na Quinta da Conraria: Célia, Carla, Demoacil, Ana Maria, Margarida, Carla, Isabel e Ana.

Os Almoços Interculturais, sendo organizados pelo Gabinete de Voluntariado da APCC, são na verdade um esforço coletivo: além das voluntárias, das colaboradoras do Gabinete, das cozinheiras e das ajudantes de cozinha, também a nutricionista Ana Rita Bastos tem um papel fundamental. É com ela que são decididas as ementas e planeadas as refeições, para que tudo possa chegar aos pratos como se estes estivessem a ser servidos nos países de origem das nossas voluntárias europeias.

Esta edição dos Almoços Interculturais (já é uma espécie de tradição, que cada novo grupo do Serviço Voluntário Europeu nos dê a conhecer as tradições gastronómicas dos países de origem dos seus membros) foi integrada no projeto SVE 2017-2-PT02-KA105-004343, Erasmus + Juventude em Ação. É no âmbito deste programa europeu que a APCC desenvolve o projeto “Holding Hands With Other Abilities”, que trouxe já até à instituição cerca de quatro dezenas de voluntários.

Podem saber mais sobre todas as possibilidades de voluntariado, nacional e internacional, na APCC em www.apc-coimbra.org.pt/?page_id=722.