O Bernardo, o Gabriel e o Miguel estiveram no lugar que lhes é devido: entre as esperanças do boccia português

Desta vez, a época do boccia arrancou a olhar… para o futuro! No passado fim de semana, as maiores esperanças nacionais da modalidade participaram no Campeonato Nacional de Sub-21 e Sub-14 e a APCC esteve representada por três atletas: o Gabriel Carvalho disputou a prova BC4/BC5 do escalão etário superior, enquanto que o Bernardo Coelho e o Miguel Amador competiram na prova BC3 do escalão etário mais baixo.

O maior destaque vai para os momentos de partilha, entre os elementos da equipa e também com os restantes atletas e treinadores, e para as oportunidades de aprendizagem de que os jovens jogadores da Associação puderam tirar partido. Tratou-se de uma disputa saudável, nos jogos e na competição de skills, mas também antes e depois da competição, que resultou numa experiência para mais tarde recordar!

O Campeonato Nacional de Boccia 2019/2020 de Sub-21 e Sub-14 teve lugar no Pavilhão Municipal da Torre da Marinha, no concelho do Seixal, nos dias 16 e 17 de novembro e decorreu integrado na 36ª Seixalíada. Participaram 34 jogadores, em representação de 14 instituições e clubes. A organização foi da PCAND – Paralisia Cerebral Associação Nacional de Desporto, com a colaboração da APCAS – Associação de Paralisia Cerebral de Almada Seixal e da Câmara Municipal do Seixal.

O boccia é uma modalidade mista, com grande tradição em Portugal. Na APCC, a vertente de competição (com diversos atletas a representar a Associação em competições nacionais e regionais) é conciliada com a dinamização da Bocciateca (o primeiro centro de recursos da modalidade do país, destinado à promoção do boccia sénior). Pode saber mais em www.apc-coimbra.org.pt/?page_id=274.