Coimbra convidada a participar no «Coimbra a Bombar»

Conferência Coimbra a Bombar

A 1 de outubro em Coimbra

A APCC – Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra organiza, em parceria com o Conservatório de Música de Coimbra e com a Câmara Municipal de Coimbra, a iniciativa «Coimbra a Bombar – Música na Cidade» que, a 1 de outubro, assinalará o Dia Internacional da Música.

Esta iniciativa pretende promover a música como expressão artística e potenciadora da inclusão social e da animação cultural. Estão previstas diversas iniciativas que animarão vários locais da cidade, das 10h00 às 00h00.

Tratar-se-á de uma iniciativa que, acontecendo em Coimbra, também trará à cidade sons de outras regiões do país. O «Coimbra a Bombar» conta com o apoio do Turismo do Centro de Portugal e da Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra (APBC).

Já confi...

Ler mais

APCC organiza seminário «Inclusão – Educação e Autodeterminação»

Diapositivo 1

Com inscrições abertas

A APCC – Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra organiza, a 28 de setembro, o seminário «Inclusão – Educação e Autodeterminação», iniciativa a decorrer no Auditório do Conservatório de Música de Coimbra.

Com inscrições abertas, este seminário tem como público-alvo estudantes, docentes, encarregados de educação, sócios das Associações de Paralisia Cerebral, profissionais de Educação e Formação, de Saúde e Reabilitação, bem como organizações congéneres. A inscrição pode ser feita online, em www.facildeaprender.pt/seminario.html, através do e-mail seminarioinclusao.apcc@gmail.com, do contacto 239 802 820 ou na própria instituição, na Rua Garcia de Orta, Vale das Flores, 3030-188 Coimbra.

No âmbito do seminário, será apre...

Ler mais

COIMBRA A BOMBAR – Música na Cidade

Coimbra a Bombar_Cartaz

A APCC – Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra organiza, a 1 de outubro, o «Coimbra a Bombar – Música na Cidade», uma iniciativa que assinalará o Dia Internacional da Música em vários locais da cidade.

Esta iniciativa pretende promover a música como expressão artística e potenciadora da inclusão social e da animação cultural. O «Coimbra a Bombar» resulta de uma parceria estabelecida entre APCC, Conservatório de Música de Coimbra e Câmara Municipal de Coimbra (CMC). Conta com o apoio do Turismo do Centro de Portugal e da Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra (APBC), bem como com a adesão de entidades como o Centro Hospitalar Universitário de Coimbra (CHUC), Universidade de Coimbra (UC), agrupamentos de escolas e instituições congéneres.

Vários gru...

Ler mais

Musicoterapeuta desenvolveu workshop na Madeira

09_Painel_3_A_Arte_enquanto_forma_de_Inclus_o_e_Terapia_2

«5.ª Punkada: 20 anos de Pop-Rock para a Inclusão»

O musicoterapeuta e professor da APCC – Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra, Paulo Jacob, participou no «IV Congresso de Educação Artística» que decorreu a 5 e 6 de setembro, no Funchal. Apresentou o trabalho desenvolvido pelos 5.ª Punkada, em «5.ª Punkada: 20 anos de Pop-Rock para a Inclusão», e desenvolveu o workshop «Um Mundo de Possibilidades: a Tecnologia na Promoção do Acesso à Música».

Paulo Jacob foi convidado para dinamizar a temática «A arte como forma de inclusão e terapia» desenvolvida com objetivo de dar a conhecer projetos que atuam neste âmbito e de debater o papel da arte na inclusão de pessoas com necessidades educativas especiais.

Neste congresso foram, ainda, abordados temas como «R...

Ler mais

«Limites? – Não existem!» em exposição até 30 de setembro

2

Na Galeria de Arte do D. Dinis

«Limites? – Não existem!» é o título da exposição que, organizada pela APCC – Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra, se encontra a decorrer na Galeria de Arte do Centro Cultural D. Dinis, em Coimbra, até 30 de setembro.

Os trabalhos são da autoria de clientes, colaboradores e familiares da APCC e pretendem mostrar que não existem limites para criar, produzir ou fazer quando se trata de arte. A arte desperta a expressividade, a comunicabilidade e a sensibilidade estética. O trabalho desenvolvido pela APCC tem como objetivo facilitar o acesso ao património artístico e a uma cultura visual.

1

3

Ler mais