fbpx

APCC ajuda a aproximar União Europeia e Turquia com projeto na área da deficiência intelectual

Com o objetivo de aumentar a visibilidade social das pessoas com deficiência intelectual e criar uma rede europeia de solidariedade entre instituições, no sentido de promover a sua inclusão e educação, teve recentemente início o projeto “Making the Invisible Visible”, em que a APCC é parceira da organização turca Elazığ Şizofreni Dayanışma Derneği, que trabalha na área da esquizofrenia.

Esta iniciativa, que pretende ainda influenciar as políticas sociais e de emprego da União Europeia, irá envolver diretamente 100 pessoas com deficiência intelectual e 40 famílias, de Portugal e da Turquia, além de profissionais (assistentes pessoais, psicólogos e educadores) de organizações também de ambos os países e de outros membros da União Europeia.

Assim, o trabalho a levar a cabo está estruturado em três dimensões: transferência de experiências e práticas entre a Turquia e a União Europeia, desenvolvimento de uma rede de organizações e sensibilização para as questões da deficiência através de atividades junto da comunicação social, investigação, workshops e atividades de capacitação.

O projeto “Making the Invisible Visible” é financiado pelo Programa Diálogo da Sociedade Civil UE/Turquia, que pretende reforçar a cooperação entre organizações europeias e as suas congéneres turcas, promover a discussão em torno de temas comuns e a troca de conhecimentos e experiências.

Este é um dos vários projetos transnacionais atualmente em desenvolvimento, em que a APCC é parceira. Outros exemplos são o “Moonwalk – empoweing young people living with disabilities”, o “RaceFree: RaceRunning – Speed and Freedom for All” ou o “SIM – Social Inclusion Marketing”, entre outros. Pode saber mais sobre projetos, em curso ou já concluídos, em www.apc-coimbra.org.pt/?cat=8.