Tantas razões de orgulho para os atletas da APCC no Nacional de Verão de Natação Adaptada!

Depois de uma ótima participação no Campeonato Nacional de Inverno de Natação Adaptada, em fevereiro passado, as responsabilidades dos nadadores da APCC para a ronda de Verão daquela competição eram grandes e as expetativas, sabendo todos da enorme dedicação e empenho que este grupo põe nos treinos e nas provas, não eram menores. Mas o mínimo que se pode dizer é que uma e outras foram amplamente superadas.

A Bárbara Gomes, a Carolina Lourenço, o Joel Pereira, o José Costa, a Matilde Gaspar, o Ruben Santos e o Tomás Almeida tiveram mais uma jornada de superação e o seu esforço resultou em seis títulos de campeão nacional, sete de vice-campeão e onze recordes pessoais. Tudo somado, a última grande prova da época teve como resultado coletivo um fantástico 8º lugar entre 33 equipas!

Destaques não são fáceis de fazer, mas a justiça exige que tentemos pelo menos fazer um resumo do exemplar desempenho dos nossos atletas: a Bárbara alcançou um título de campeã, um segundo e um terceiro lugares e ainda três recordes pessoais; a Carolina sagrou-se duas vezes campeã nacional e ainda conseguiu um segundo lugar e dois recordes; o José foi por quatro vezes vice-campeão; a Matilde alcançou um título de Esperanças, um terceiro lugar e um recorde; o Tomás colecionou dois títulos de campeão e um segundo lugar em Esperanças e dois recordes; e o Joel bateu três recordes.

E agora que já se pode passar a um balanço do último ano desportivo na natação, é de realçar a enorme capacidade de ultrapassar os seus próprios limites demonstrada pelos atletas da APCC: desde o início da época, em outubro do ano passado, bateram por umas impressionantes 74 vezes as suas melhores marcas individuais! Um enorme motivo de orgulho para nadadores, mas também para técnicos, e um fator de motivação extraordinário para o futuro.

O Campeonato Nacional de Verão de Natação Adaptada 2018 decorreu nas Piscinas Municipais da Póvoa de Varzim, nos dias 12 e 13 de maio, numa organização da Federação Portuguesa de Natação em parceria com a autarquia local. Participaram 132 atletas – 94 masculinos e 38 femininos – em representação de 33 clubes e instituições.

A natação é um dos desportos mais completos e acessíveis a todas as pessoas, incluindo as que têm deficiência. Na APCC, é desenvolvida na APCC na vertente competitiva (com a participação regular de atletas em provas por todo o País) e em conjunto com outras atividades na água, como a adaptação ao meio aquático, a aprendizagem, a manutenção ou o treino. Pode saber mais em www.apc-coimbra.org.pt/?page_id=276.