Esta é a altura de apoiar a APCC (e pode fazê-lo através da declaração do IRS)

A consignação do seu IRS à APCC é fácil, não tem custos e é mais importante do que nunca. Será um apoio direto ao trabalho quotidiano que a Associação realiza junto de mais de 3000 utentes e respetivas famílias, prestando serviços em áreas como a reabilitação, atividades ocupacionais, apoio domiciliário, reabilitação social, formação profissional, residências, recursos para a inclusão ou transportes.

É fácil, porque só precisa de, ao entregar a declaração do IRS, sinalizar que pretende destinar à APCC 0,5% do imposto pago à Autoridade Tributária. Não tem custos, porque não terá qualquer implicação no cálculo do montante do seu reembolso. E é mais importante do que nunca, porque o seu contributo é decisivo para a manutenção ou melhoria da qualidade de valências como o apoio à vida independente, desporto, música, teatro, jardim de infância, ludoteca ou quinta pedagógica, entre outras, sem esquecer o voluntariado.

Ler mais

Oh là là! Estava tudo delicioso no Almoço Intercultural dedicado a França!

Carne de vaca, batatas, ovos, cebolas, queijo, leite, manteiga, noz moscada, sal, azeite, natas, baunilha e açúcar. Posto de outra forma: todos os ingredientes necessários para preparar e servir uma deliciosa refeição francesa, como bem mostrou a Emma Denis, no final da passada semana, com os dois primeiros Almoços Interculturais da responsabilidade do atual grupo de voluntários europeus da APCC.

Com a ajuda das equipas de cozinha do Centro de Reabilitação e da Quinta da Conraria, chegaram à mesa uma clássica e muito saborosa soupe à l’oignon (sopa de cebola), um impressionantemente saboroso hachis parmentier moelleux avec gratin dauphinois (empadão de carne com batata gratinada”) e um delicioso crème brûlée (uma espécie de primo francês do leite creme, passe a heresia que isso será para alguns). E como tudo foi feito com amor e colaboração, só houve elogios!

Ler mais

APCC e parceiros europeus proporcionam formação na área da saúde mental a profissionais portugueses e romenos

A APCC e os seus parceiros no projeto europeu MAGISTER iniciaram esta semana a formação de profissionais que exercem a sua atividade junto de pessoas com necessidades especiais de saúde mental, em diversas instituições portuguesas e romenas, no sentido de os dotar de melhores competências práticas, que permitam dar uma resposta mais adequada perante o aumento do número de casos de ansiedade e depressão a nível global.

Nesta ação de formação, que teve lugar em Bucareste, na Roménia, participaram 23 técnicos e cinco formadores (uma da APCC e os restantes das anfitriãs Organização Humanitária Concordia e Fundação Estuar e da Universidade de Ciências Aplicadas de Vorarlberg, da Áustria). Foi o primeiro módulo de uma série de quatro, dedicados à gestão de casos de ansiedade e depressão, que serão lecionados até julho deste ano, nos dois países dos formandos.

Ler mais

Plano de Contingência Interno COVID-19

Considerando o atual estado de emergência de saúde publica, declarado pela OMS, e atendendo às mais recentes evoluções da propagação da infeção por doença respiratória causada pelo agente Coronavírus (COVID-19) tendo como linha de referencia as recomendações da OMS, a APCC definiu e aprovou as linhas gerais do Plano de Contingência Interno para a COVID-19.

Este documento está em consonância com as diretivas das Autoridades de Saúde para infecção humana pelo Coronavirus (COVID-19) e define o nível de resposta e de ação da APCC, a fim de minimizar os riscos de transmissão do agente patogénico.

Ler mais

Hipoterapia/Equitação Terapêutica: inscrições já abertas para formação em junho e julho

O próximo curso de formação em hipoterapia/equitação terapêutica organizado pela APCC já tem datas marcadas (entre 29 de junho e 3 de julho) e as inscrições estão abertas. O objetivo desta iniciativa é dotar os formandos de conhecimentos teóricos e práticos básicos sobre o cavalo (terminologia, comportamento e diferentes andamentos) e as diferentes abordagens possíveis (hipoterapia, equitação terapêutica, equitação adaptada, desporto e lazer, etc.)

Trata-se de um curso dirigido a profissionais das áreas social, da saúde e da educação, profissionais do domínio equestre, estudantes e todos os que pretendem integrar equipas multidisciplinares na habilitação de pessoas em situação de desvantagem. As sessões decorrerão totalmente em ambiente equestre, na Quinta da Conraria (Ceira), e com uma forte componente prática.

Ler mais