fbpx

Quinta da Conraria

Nova colheita de cogumelos da Quinta da Conraria, para ‘fechar’ o ano e perspetivar o melhor para 2022

Podemos olhar para o que ontem aconteceu como um bom prenúncio para o ano que está quase a começar: após um interregno, voltou a haver colheita de cogumelos na APCC! Em duas salas onde são garantidas ventilação permanente, humidade controlada e uma temperatura a rondar os 18 graus, debaixo das bancadas do Picadeiro da Quinta da Conraria, a engenheira agrónoma Margarida Domingues liderou a parte final de um processo que levou à frutificação dos pleurotus ostreatus (cogumelos ostra), uma espécie nutritiva e rica em proteínas que ali é cultivada.

O processo em si começa com a incubação dos blocos de micélio (um composto de palha de aveia esterilizada com estrume de cavalo) onde crescerão os cogumelos, que dura aproximadamente 20 a 30 dias. Depois, segue-se a fase de cultivo, que se prolonga por sensivelmente outro mês. No final desse período, finalmente, pode ser feita a colheita – que, no atual contexto, será realizada entre ontem e hoje e num segundo período, já no início de 2022 – que permitirá obter entre 3 a 4 quatro quilos de produto por cada um dos 200 blocos.

Ler mais

Uma semana a celebrar o Natal e as relações na APCC!

Este ano, a Festa (Virtual) de Natal da APCC dura uma semana inteira. A equipa da Quinta Pedagógica voltou a deitar mãos à obra e a desafiar diversas respostas e serviços para não deixássemos passar esta quadra em claro e assim nasceu a Semana de Natal 2021, que se prolongará entre 20 e 24 de dezembro! Ao longo destes cinco dias, teremos conteúdos preparados por utentes e colaboradores, especialmente para esta celebração conjunta!

Assim, o início será feito com a já tradicional Poesia de Natal, escrita pelo ex-utente Fernando Carvalho e lida por Liliana Ferreira, seguindo-se os contributos da Quinta Pedagógica “O Caracol”, Sala do Teatro, URDP2, Serviços, Tecelagem de Almalaguês, Artes Manuais, Departamento de Música (com os 5ª Punkada e o professor Tiago Silva), Sala do Redondo, Sala O2, Sala Sem Nome e Sala Multiusos. E sem querer revelar demasiado, podemos garantir que as participações primam pela diversidade e que não se pode festejar esta época sem a chegada do Pai Natal…

Nesta mesma págin...

Ler mais

Um almoço a várias mãos e vários idiomas, preparado e partilhado pelas voluntárias europeias e utentes do CACI

Se tivesse sido um jogo de futebol, teria sido um Portugal vs. Resto da Europa, mas em que todos os golos marcados contariam para os dois lados, porque o único troféu em disputa teria sido a Taça da Amizade & Sabor. A equipa visitante apostaria todas as fichas numa dupla transalpina composta por lasanha de carne e lasanha vegetariana, enquanto os visitados depositariam as suas esperanças na capacidade finalizadora de umas bolachas de alecrim com cobertura de iogurte grego, coco e abóbora com mel.

Mas não se tratou de qualquer jogo, foi antes um almoço que partiu da iniciativa das voluntárias europeias da APCC e juntou a Roberta DeGiorgio, a Alice Lambert-Quénaon e a Antonia Tiepoldt – a ‘jogar fora’ – e os utentes da Sala do Redondo do Centro de Atividades e Capacitação para a Inclusão (CACI) – a ‘jogar em casa’. Foram muitas mãos a confecionar os pratos referidos, trocando tarefas e funções fluidamente, ao jeito de um verdadeiro ‘tiki-taka’ gastronómico, pelo que o resultado final foi mesmo uma goleada para os dois ‘lados’.

Mas...

Ler mais

As Colheitas de Outono encheram a Quinta da Conraria de cores, aromas e alegria

No Dia de São Martinho, pede-se, naturalmente, um… Verão de São Martinho! Não podemos dizer que foi exatamente isso que aconteceu ontem de manhã na Quinta da Conraria, mas lá que houve um sol intenso a brilhar sobre todos os que participaram nas Colheitas de Outono, isso é indesmentível! E houve também muita alegria e animação, envolvendo a comunidade da APCC numa celebração dos sabores e saberes do outono (e não só).

Não faltaram, pois claro, vários produtos que ajudaram a dar um colorido especial à festa, como frutas e legumes, peças artesanais, decorativas e artísticas – e até ovos cozidos com a luz solar! Tudo à venda em barraquinhas com nomes que variavam entre o pragmático e o quase poético: além da ‘clássica’ Quermesse, havia a Barraquinha dos Serviços, EcoAromas, quintapontocome, Museu de Nós, Artes da Quinta, Serões da Avó – trapos e farrapos, O Bazar do Desenho, Castanholas e Sem Título.

A iniciativ...

Ler mais

Mosaico romano na Quinta da Conraria? Sim, sem sair do presente e com muito entusiasmo dos utentes da APCC

Foi uma verdadeira viagem no tempo e no espaço, sem sair de 2021 ou da Quinta da Conraria… Durante três dias da passada semana, cerca de dezena e meia de utentes do Centro de Atividades e Capacitação para a Inclusão (CACI) da APCC puderam mergulhar no mundo do mosaico romano, construindo as suas próprias criações. E se os romanos compunham desenhos elaborados que uniam com cimento, neste caso foram pequenas peças cúbicas em gesso (tesselas) que, com toda a minúcia, foram sendo consecutivamente coladas até formarem os mais variados motivos.

O processo em si não seria muito diferente ao completar de um complexo puzzle, acrescido da dificuldade de ter de cortar, limar e ajustar cada peça ao local preciso que ocuparia no desenho escolhido – que variava entre pormenores de mosaicos reais (alguns que se podem vislumbrar não muito longe dali, nas Ruínas de Conímbriga) e outras propostas. Apesar da exigência da tarefa, o prazer de a realizar foi tal, que não faltou quem trabalhasse na conclusão do seu mosaico até para lá do horário previsto para a atividade!

Esta ...

Ler mais