Quinta da Conraria

Na Quinta da Conraria, celebrou-se a água e a sua importância

O Dia da Água foi assinalado a 22 de março, mas como o São Pedro levou demasiado a sério a designação da data e nos presenteou com uma enorme chuvada, não pudemos realizar as atividades que tínhamos planeadas na Quinta da Conraria. Mas não seria uma mera ironia a desmoralizar a equipa da Quinta Pedagógica da APCC, que por isso mesmo voltou ontem à carga (de água?!…) e organizou um fantástico percurso de atividades relacionadas com a água e a sua importância.

No Parque Infantil da Quinta da Conraria, vários grupos de utentes do Centro de Atividades Ocupacionais e do Centro de Atendimento, Acompanhamento e Reabilitação Social para Pessoas com Deficiência e Incapacidade, mas também os alunos do Myerscough College que, nas últimas duas semanas, realizaram um estágio na Associação, levaram a cabo uma série de desafios em que a diversão se juntava a mensagens pedagógicas.

Em co...

Ler mais

Os próprios estudantes confirmaram: flores para a Queima é mesmo com a APCC!

A produção de flores para os carros da Queima das Fitas está já a pleno vapor na Quinta da Conraria, mas os utentes do Centro de Atividades Ocupacionais da APCC estão sempre disponíveis para receber convidados especiais. Foi o que aconteceu ontem, com uma visita dos membros da Comissão Organizadora daquele importante evento, que puderam assim ficar a conhecer o processo que leva de uma simples folha de papel a um dos símbolos da maior tradição académica de Coimbra.

Foi ainda uma altura para confirmar que, ao encomendarem as suas flores à APCC – seja por falta de tempo, seja até para ajudar a combater o estigma sobre as pessoas com deficiência – os estudantes da Academia de Coimbra podem confiar num excelente trabalho, feito com muita dedicação e empenho. E ainda houve tempo para que alguns dos comissários da Queima experimentassem eles próprios como tudo acontece.

Ler mais

Flores para a Queima das Fitas? É ligar para a APCC!

Ou porque o tempo já começa a faltar, ou porque ele é necessário para outras coisas, ou até porque é uma forma de ajudar a combater o estigma sobre as pessoas com deficiência. Razões não faltam para que os estudantes de Coimbra encomendem à APCC as flores para os seus carros do cortejo da Queima das Fitas.

Pelo décimo-quinto ano consecutivo, um grupo de utentes da Associação vai produzir as coloridas flores de papel que ajudam a fazer uma das mais conhecidas tradições da Cidade. Até ao dia 21 de abril, os estudantes podem responder afirmativamente ao mote “Tu fazes a festa, nós fazemos as flores!” e fazer a sua encomenda, ligando para os números 239 792 120 ou 239 802 820 (através deste último, podem também obter informações sobre preços ou outras e esclarecer qualquer dúvida).

Ler mais

Nem as máscaras esconderam a alegria de todos os que participaram e assistiram ao Desfile de Carnaval da Quinta da Conraria

170227_APCC_DesfileCarnavalQtaConraria_thumbFoi na passada sexta-feira (24 de fevereiro) que a Quinta da Conraria foi ‘invadida’ por polícias, jornalistas, astronautas, dançarinas espanholas, mas também likes, smileys e outras caras sorridentes, e ainda matrafonas e muito mais. Foi o Desfile de Carnaval, que trouxe tanta animação a utentes e colaboradores da APCC, que a alegria se prolongou ao longo da tarde com muita música para celebrar a época.

O tema deste ano foi “Comunicação” e todos os foliões encontraram maneiras bastante originais de se expressarem e comunicarem com a grande moldura humana que se juntou na Eira da Quinta para fazer a festa. E como em qualquer desfile que se preze, o júri estava lá para premiar as melhores máscaras e fantasias (e não foi nada fácil escolher).

Ler mais

Namorados (e não só) celebraram o seu dia com baile na Quinta da Conraria

170215_APCC_BaileDiaNamorados_thumbOntem foi Dia dos Namorados e na Quinta da Conraria o amor foi o mote para um animado baile, que juntou utentes e colaboradores da APCC. Mas não falamos apenas do amor romântico, o que se celebrou foi também a amizade e os fortes laços que unem a comunidade que, todos os dias, faz da instituição o que ela é.

Assim, todos cantaram e dançaram com todos: os namorados, mas também os amigos, os colegas e até os meros conhecidos. O artista Tiago Silva (que também é professor na APCC) animou a tarde e a sua música trouxe muita alegria e boa disposição, além de um conjunto impressionante de passos de dança inspirados.

Ler mais