fbpx

Instituição

APCC participou em iniciativa da ONU e OMS dedicada à Covid-19 e à deficiência

Com o mundo confrontado com diversas questões e dúvidas no contexto da pandemia provocada pelo novo coronavírus, a Organização das Nações Unidas (ONU) e a Organização Mundial da Saúde (OMS) promoveram esta semana um encontro online que teve como objetivo olhar criticamente para a resposta mundial à atual crise sanitária no enquadramento das necessidades e especificidades das pessoas com deficiência e entidades que com elas trabalham.

A APCC também marcou presença, através da participação da coordenadora do Centro de Formação. Dora Redruello deu conta do trabalho de adaptação e resposta que tem vindo a ser feito na instituição e contribuiu para a importante reflexão sobre a relação da população com deficiência e/ou vulnerável com os cuidados de saúde regulares e sobre a necessidade de promover cuidados de saúde especializados e informação compreensível e acessível a estes públicos.

Ler mais

Esta é a altura de apoiar a APCC (e pode fazê-lo através da declaração do IRS)

A consignação do seu IRS à APCC é fácil, não tem custos e é mais importante do que nunca. Será um apoio direto ao trabalho quotidiano que a Associação realiza junto de mais de 3000 utentes e respetivas famílias, prestando serviços em áreas como a reabilitação, atividades ocupacionais, apoio domiciliário, reabilitação social, formação profissional, residências, recursos para a inclusão ou transportes.

É fácil, porque só precisa de, ao entregar a declaração do IRS, sinalizar que pretende destinar à APCC 0,5% do imposto pago à Autoridade Tributária. Não tem custos, porque não terá qualquer implicação no cálculo do montante do seu reembolso. E é mais importante do que nunca, porque o seu contributo é decisivo para a manutenção ou melhoria da qualidade de valências como o apoio à vida independente, desporto, música, teatro, jardim de infância, ludoteca ou quinta pedagógica, entre outras, sem esquecer o voluntariado.

Ler mais

Plano de Contingência Interno COVID-19

Considerando o atual estado de emergência de saúde publica, declarado pela OMS, e atendendo às mais recentes evoluções da propagação da infeção por doença respiratória causada pelo agente Coronavírus (COVID-19) tendo como linha de referencia as recomendações da OMS, a APCC definiu e aprovou as linhas gerais do Plano de Contingência Interno para a COVID-19.

Este documento está em consonância com as diretivas das Autoridades de Saúde para infecção humana pelo Coronavirus (COVID-19) e define o nível de resposta e de ação da APCC, a fim de minimizar os riscos de transmissão do agente patogénico.

Ler mais

APCC lança campanha de crowdfunding para apoiar equipa de râguebi!

A APCC acaba de lançar uma campanha de crowdfunding, que permitirá a qualquer pessoa apoiar a equipa de râguebi da instituição e o projeto Line Break – Inclusive Rugby, desenvolvido em parceria com o Comité Regional de Rugby do Centro (CRRC) e que visa criar um movimento verdadeiramente inclusivo, a nível nacional, inspirado em alguns dos valores habitualmente associados àquela modalidade.

A iniciativa tem como objetivo direto a aquisição de equipamentos (camisolas, calções e meias de jogo, fatos de treino, t-shirts e mochilas, bem como a respetiva estampagem de emblemas e numeração) para os 25 utentes da Associação que constituem a equipa, assim como para o staff técnico, permitindo-lhes dessa forma apresentar-se em campo, tanto em jogos como em atividades de divulgação, com uma identidade coerente e coesa.

Ler mais

E depois dos 21? APCC levou experiência na área da deficiência a debate sobre intervenção do Serviço Social

A proteção da criança e bem-estar foi o foco central da mais recente edição do Ciclo de Debates em Serviço Social, organizado na passada semana pelo Doutoramento em Serviço Social do ISCTE-IUL, que teve entre os participantes convidados a APCC. Com o tema “Investimento na proteção da criança até aos 21 anos, e depois?” a servir de mote, coube à assistente social Graça Gonçalves abordar o modelo de trabalho da instituição.

Numa mesa redonda em que também estiveram representantes da Fundação COI, da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e da Crescer Ser, houve oportunidade para detalhar a experiência da APCC na área da deficiência, trabalhando de forma direta com os utentes e respetivas famílias. Em particular, foram abordados os diversos percursos proporcionados pelas respostas sociais da Associação nos escalões etários em análise, nomeadamente nas atividades ocupacionais, na reabilitação social ou na formação profissional.

Ler mais