Alunos do Colégio São Miguel foram convidados especiais no treino do futebol em cadeira de rodas elétrica

Foi um treino especial: na passada sexta-feira (31 de março), os jogadores do APCC Coimbra Power Soccer Club, a equipa de futebol em cadeira de rodas elétrica da APCC, mostraram algumas das suas melhores jogadas e habilidades a um grupo de estudantes e professores do Colégio São Miguel, de Fátima. Mas, sobretudo, mostraram que a paixão pelo desporto, e pelo futebol em particular, não conhece barreiras nem obstáculos inultrapassáveis.

Além de terem aprendido os fundamentos desta modalidade, tanto em termos de regras, como aspetos técnicos e táticos, os alunos puderam mesmo experimentar a emoção (e a dificuldade!) de controlar uma cadeira de rodas enquanto se tenta vislumbrar o melhor passe ou apontar à baliza. Mas como nesta vertente do jogo, apesar das rodas, não há entradas de carrinho, o que imperou foi a boa disposição e a alegria.

Ler mais

“Here We Are”: projeto que junta APCC e organização húngara arrancou em Budapeste

Em fevereiro do ano passado, três utentes da APCC participaram no curso de formação internacional “Change Your Attitude”, em Gánt, na Hungria. Em novembro, outros quatro jovens viajaram para o mesmo país, desta vez para a capital Budapeste, para uma reunião do projeto “Breaking Stereotypes”. Comum a estas iniciativas era o objetivo de promover a inclusão através do combate aos estereótipos.

Em resultado do trabalho realizado naquelas duas ocasiões, surgiu o projeto “Here We Are”, que levou agora até àquele ponto da Europa os ‘repetentes’ André Vitorino, Diogo Sacramento e Ivo Rodrigues, bem como o ‘estreante’ Bernardo Vieira e a coordenadora do Gabinete de Voluntariado, Fernanda Maurício. Foi o pontapé de saída para uma série de ações, a realizar até maio de 2018, que procurarão dar visibilidade às pessoas com deficiência, aos seus desejos e necessidades, dentro das comunidades em que se inserem.

Ler mais

Modelo de formação e inclusão da APCC estudado pelo Myerscough College

Partiu ontem para Inglaterra o membro da Direção do Myerscough College, que ao longo de quatro dias, esteve em Coimbra para conhecer a experiência e o modelo de trabalho da APCC nas áreas da formação e inclusão, com o objetivo de recolher contributos para o desenvolvimento do recentemente inaugurado Centro de Base de Aprendizagem daquela prestigiada faculdade britânica.

Barry Sherriff aproveitou a oportunidade para realizar uma série de visitas e reuniões (com elementos da Direção e responsáveis da Quinta da Conraria, do Centro de Formação e dos Serviços Educativos, além do Gabinete de Projetos), que lhe permitiram conhecer os modelos de organização e os processos dinamizados pela APCC no âmbito daquelas áreas.

Ler mais

Sem custos ou perda de benefícios, apoie a APCC através da declaração do IRS

Este ano, ao contrário do que acontecia anteriormente, existirá um prazo único para a entrega da declaração de IRS – de 1 de abril a 31 de maio – independentemente de ser trabalhador independente ou por conta de outrem, mas há uma coisa que não muda: continua a poder apoiar a APCC, sem qualquer custo ou redução nos seus benefícios.

Para isso, basta que, ao preencher o Modelo 3 (Quadro 11, Campo 1101), sinalize essa intenção no quadrado respeitante a ‘Instituições Particulares de Solidariedade Social ou Pessoas Coletivas de Utilidade Pública’ e indique o NIPC 506662306. Desta forma, a APCC beneficiará de 0,5% do IRS pago à Autoridade Tributária, o que significa que não vai ter quaisquer implicações nos montantes dos seus pagamentos ou reembolsos.

Ler mais

Já pode inscrever-se para a ação de formação em “Intervenção em pessoas com comportamentos antissociais”

Numa altura em que continua na ordem do dia o aparente aumento da frequência e da gravidade dos comportamentos antissociais perpetrados por jovens na sociedade atual, torna-se cada vez mais evidente a necessidade de uma reflexão aprofundada sobre este tema. A ação de formação em “Intervenção em pessoas com comportamentos antissociais”, que a APCC vai realizar no dia 11 de abril, é por isso de particular relevância.

As inscrições para esta iniciativa já estão abertas, sendo dirigidas particularmente a psicólogos, técnicos superiores de serviço social, docentes, educadores e animadores sociais, outros profissionais e estudantes. Esta ação de formação, a cargo de Samuel Silva (colaborador da APCC e licenciado em Psicologia Clínica), tem a duração de oito horas.

Ler mais