Se se cruzarem com os nossos voluntários europeus, não se surpreendam se eles vos contarem como foi o último mês… em português!

Cumpre-se esta semana um mês que o Alexander Brzuska, o Emanuele Macaggni, a Emma Denis e a Maria Kürbis chegaram à APCC e todos os dias há coisas novas para contar. A principal talvez seja mesmo que os novos voluntários europeus já dominam várias palavras em português e começam até a arriscar as primeiras conversas – aliás, eles próprios insistem em que seja esse o idioma que domina as suas interações dentro e fora da instituição!

É importante dizer que o à-vontade deste quatros jovens, oriundos da Polónia, Itália, França e Alemanha, com a língua portuguesa não se faz sem muito empenho e… estudo. É que, neste momento, eles são verdadeiros ‘estudantes de Coimbra’, pois estão a frequentar o Curso Intensivo de Português como Língua Estrangeira da Faculdade de Letras. E é com o apoio dos professores, mas também, em boa verdade, de toda a comunidade universitária, que é possível que se vejam já tantos progressos.

Mas s...

Ler mais

Há uma dinâmica nova na Ludoteca da APCC e é de chorar e rir (e muito mais!)

Começa com uma pergunta: “Como te sentes hoje?” As hipóteses são quatro – feliz, triste, zangado, assustado – mas a conversa dá espaço a que cada um explique o que está a sentir agora, que está ali à porta d’”O Dragão Brincalhão” e lhe é dito que vai fazer uma viagem pelas emoções… A nova dinâmica da Ludoteca da APCC chama-se “Chorar ou rir, as emoções vou sentir” e é uma espécie de grande aventura em que todos encontram espaço para pensar, mas também brincar, sobre o que de mais profundo existe em cada um.

A estreia aconteceu ontem e os primeiros a viajar até uma ilha habitada por muitos e diferentes sentimentos (podemos revelar que o Amor é o protagonista de uma autêntica epopeia, mas quanto ao resto temos mesmo de guardar segredo…) foram as crianças do Jardim de Infância de São Bento. Coube-lhes, portanto, serem verdadeiros pioneiros da brincadeira, papel que desempenharam com todo o empenho e incontáveis sorrisos!

Depois de j...

Ler mais

Nacional de Inverno ‘fechou’ primeira metade da época da natação e a hora é de aplausos e parabéns para os atletas da APCC!

Foi com a certeza de ter havido empenho máximo na preparação e ainda com a memória dos excelentes resultados do ano passado que a equipa de da APCC (com os nadadores Bárbara Gomes, Carolina Lourenço, Joel Pereira, José Costa, Matilde Gaspar e Ruben Santos) chegou a Rio Maior para participar na edição deste ano do Campeonato Nacional de Inverno de Natação Adaptada… E foi com um justificado sorriso nos lábios que regressou a Coimbra!

Desde logo, porque foi confirmada a consistência das suas prestações, repetindo as classificações coletivas de 2019, ou seja, um excelente terceiro lugar por equipas na vertente feminina e uma muita positiva 10ª posição na masculina. Depois, porque isso foi feito alcançando 10 medalhas: a Bárbara sagrou-se campeã nacional dos 400 metros livres e vice-campeã dos 200 bruços e 200 estilos, a Carolina foi campeã nos 200 bruços e vice nos 50 e 100 bruços e a Matilde tornou-se vice-campeã dos 100 e 200 livres, provas em que se consagrou ainda como campeã nacional de Esperanças.

Foram...

Ler mais

Coordenador do râguebi na APCC participa em conferência do Comité Olímpico sobre violência no desporto

João Costa, coordenador do projeto Line Break – Inclusive Rugby e da equipa de râguebi da APCC, é um dos convidados do Comité Olímpico de Portugal para a conferência “Violência no Desporto”. A iniciativa terá lugar no dia 28 de janeiro, em Lisboa, e reunirá especialistas nacionais em matérias como a prevenção e combate à violência, segurança e arbitragem, com o objetivo de refletir sobre esta realidade que, infelizmente, continua na ordem do dia.

A participação do profissional da APCC, onde exerce também as funções de fisioterapeuta, decorre da sua experiência enquanto árbitro, função que exerce desde 2013, depois de um percurso de 22 anos como jogador. O painel “O árbitro na prevenção da violência”, em que estará integrado, concluirá uma tarde de discussão que contará ainda com depoimentos de árbitros internacionais de basquetebol e futebol, bem como de membros de comissões internacionais.

Ler mais

É fácil fazer desde já a consignação fiscal e garantir que, quando entregar o IRS, vai apoiar a APCC!

Este ano, volta a ser possível atribuir 0,5%o do seu IRS à APCC – sem quaisquer custos ou implicações no cálculo do montante do seu reembolso – mesmo antes do prazo de entrega da declaração daquele imposto! Para isso, só precisa de definir desde já no Portal das Finanças essa intenção e, quando chegar a época do IRS (que, em 2020, será de 1 de abril a 30 de junho), apenas terá de confirmar a sua opção.

Ao optar pela consignação fiscal, estará a apoiar diretamente o trabalho quotidiano da APCC junto de mais de 3000 utentes e suas famílias e a melhoria dos serviços prestados pela instituição em áreas e valências como Reabilitação, Atividades Ocupacionais, Formação Profissional, Qualificação e Ensino Profissional, Unidades Residenciais, Apoio Domiciliário, Desporto, Quinta Pedagógica, Quinta Biológica, Ludoteca, Oficina do Brinquedo e Transportes, entre outros.

Ler mais