Vivam os Santos Populares / Que a todo o lado levam alegria / Mas as Marchas mais espetaculares / São as da Quinta da Conraria

Quando chegam os Santos Populares, já se sabe que vai acontecer: utentes, formandos e colaboradores da APCC ‘tomam conta’ do largo da eira da Quinta da Conraria e preparam-se para – consoante o papel de cada um – marchar ao melhor estilo ou acompanhar o ritmo das músicas com muitas palmas, redobradas no final do desfile de cada grupo. E ontem foi isso mesmo que voltou a acontecer!

Os primeiros marchantes foram da área de Tecelagem de Almalaguês, com a sua “Marcha de Almalaguês”, seguindo-se a Sala do Teatro com a “Marcha dos Abraços”, a “Marcha da O2”, pelos utentes daquela sala, a URDP 2 com a “Marcha Divertida-mente”, cabendo o ‘fecho’ à Formação Profissional, que apresentou a “Marcha dos Sentidos”. Não faltaram muita cor e muita animação, abrilhantadas ainda mais por várias letras inspiradas, escritas e interpretadas propositadamente para esta ocasião!

Ler mais

Projeto europeu MAGISTER voltou a juntar técnicos de três países para trabalhar na melhoria dos serviços na saúde mental

A APCC voltou a receber, na passada semana, um grupo de cerca de 20 profissionais portugueses, austríacos e romenos, que trabalham na área da saúde mental, para mais uma iniciativa no âmbito do projeto europeu MAGISTER, que pretende contribuir para aumentar a qualidade dos serviços prestados naquele domínio. Foi o terceiro de quatro módulos de um curso de formação, que terá o seu final no próximo mês, na Roménia.

Ao longo de quatro dias, decorreram sessões em torno de grandes temas como supervisão e intervenção, violência e razão, linguagem e poder ou preconceitos e Direitos Humanos, mas também sobre prevenção do suicídio, adições e sexualidade, por exemplo. Do programa fez ainda parte uma visita à Quinta da Conraria, onde funcionam valências da APCC como as atividades ocupacionais ou o acompanhamento e animação para pessoas com deficiência.

Ler mais

O râguebi e a inclusão juntaram a APCC, a Académica e a Agrária para o ‘fecho’ dos Jogos de Coimbra

Foi num evento dedicado ao râguebi integrado nos Jogos de Coimbra, em abril, que a equipa da APCC se apresentou publicamente pela primeira vez. E agora, que se realizou a última etapa da modalidade integrada naquela grande iniciativa desportiva da Câmara Municipal de Coimbra, não podíamos faltar! E assim, lá estivemos no Campo da Arregaça, no passado sábado, dividindo o treino com jovens jogadores da Académica e da Agrária!

Para os jogadores da APCC, foi outra oportunidade para continuar a crescer enquanto praticantes de râguebi, melhorando os passes e as fintas, mas também experimentando novos exercícios, cada vez mais complexos. E foi ainda mais um momento para os elementos desta que é a única equipa de ‘mixed ability rugby’ de Portugal confraternizarem com outros atletas e técnicos num ambiente marcado pela camaradagem e pela boa disposição.

Ler mais

Exposição “Diamonds and Rust” já foi inaugurada e pode ser visitada durante um mês

“Diamonds and Rust” são quatro dezenas de pinturas, da autoria dos utentes da Sala O2 do Centro de Atividades Ocupacionais da APCC, que estarão patentes no Centro de Reabilitação de Paralisia Cerebral de Coimbra (Vale das Flores) durante cerca de um mês. Criadas com recurso às técnicas da colagem, relevos, folha de cobre, pintura, ferrugem e stencil, estas obras poderão ser vistas – e adquiridas – de segunda a sexta, das 08H00 às 18H00.

A inauguração teve lugar na passada sexta-feira, perante colaboradores da Associação e os primeiros visitantes, com a presença de Fernando Filipe de Oliveira, presidente da Direção, e António Valente, professor de artes plásticas e responsável pelo projeto SOCRIN – SOCIALMENTE, CRIATIVO e INCLUSIVO, em que esta iniciativa se insere e que procura contribuir para a visibilidade social deste grupo de pessoas.

Ler mais

Um treino sem limites: equipa de râguebi da APCC juntou-se aos mais jovens jogadores da Académica

A equipa de râguebi da APCC esteve ontem presente no último treino da época das camadas jovens da Associação Académica de Coimbra, para mais uma ação de divulgação da vertente de ‘mixed ability rugby’, de que é a única praticante no país. Os utentes da instituição partilharam o campo com os jovens jogadores dos ‘Pretos’, em particular os sub-12, mostrando as especificidades da sua forma de jogar a modalidade, trocando dicas com os mais pequenos e proporcionando momentos de pura confraternização sem limites.

Quem também participou nos diversos exercícios foi Manuel Picão, capitão da Académica, que forma, com Mariana Marques (Agrária), a dupla de padrinhos desta equipa. O internacional português pôde observar por si próprio o progresso já alcançado pelos jogadores da APCC desde que este projeto foi apresentado publicamente, no passado mês de abril, mas não se coibiu de dar alguns conselhos preciosos para que possam chegar ainda mais longe.

Ler mais