Sandra Semedo e João Vaz são campeões nacionais de tricicleta

A atleta Sandra Semedo conquistou quatro medalhas de ouro no Campeonato Nacional de Tricicleta, que se disputou ontem, em Lisboa. A triciclista da APCC alcançou o lugar mais alto do pódio em todas as distâncias da categoria RR2, confirmando assim o seu estatuto de grande nome da modalidade em Portugal e na Europa.

Sandra, que é agora recordista nacional de todas as distâncias das categorias RR2 e RR3, conquistou no ano passado duas medalhas de ouro e uma de prata na Taça do Mundo e deixou assim indicações de que se encontra em boa forma para a edição deste ano, que se realizará em julho, na Dinamarca.

Ler mais

Os próprios estudantes confirmaram: flores para a Queima é mesmo com a APCC!

A produção de flores para os carros da Queima das Fitas está já a pleno vapor na Quinta da Conraria, mas os utentes do Centro de Atividades Ocupacionais da APCC estão sempre disponíveis para receber convidados especiais. Foi o que aconteceu ontem, com uma visita dos membros da Comissão Organizadora daquele importante evento, que puderam assim ficar a conhecer o processo que leva de uma simples folha de papel a um dos símbolos da maior tradição académica de Coimbra.

Foi ainda uma altura para confirmar que, ao encomendarem as suas flores à APCC – seja por falta de tempo, seja até para ajudar a combater o estigma sobre as pessoas com deficiência – os estudantes da Academia de Coimbra podem confiar num excelente trabalho, feito com muita dedicação e empenho. E ainda houve tempo para que alguns dos comissários da Queima experimentassem eles próprios como tudo acontece.

Ler mais

Ligação entre música e tecnologias da informação é objetivo de projeto europeu com participação da APCC

Entre hoje e amanhã, realiza-se em Iaşi, na Roménia, a segunda reunião do projeto “Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação Musical”, que junta a APCC a outras oito organizações europeias no objetivo comum de promover formas de aprendizagem mais eficientes e efetivas através da aplicação da tecnologia no ensino da música. Trata-se de uma iniciativa dirigida a jovens adultos, em particular aos que se interessam pelas TIC e pela música.

Neste contexto, cada parceiro desenvolverá e partilhará estratégias para usar a tecnologia como forma de compreender a música de diferentes culturas, por exemplo, dando a conhecer instrumentos tradicionais e léxicos musicais próprios de cada um dos países envolvidos, estimulando a criação de composições originais ou promovendo atuações ao vivo. As TIC servirão, portanto, de base essencial para as experiências musicais e exploração de semelhanças, diferenças e diversidade entre cidadãos.

Ler mais

Flores para a Queima das Fitas? É ligar para a APCC!

Ou porque o tempo já começa a faltar, ou porque ele é necessário para outras coisas, ou até porque é uma forma de ajudar a combater o estigma sobre as pessoas com deficiência. Razões não faltam para que os estudantes de Coimbra encomendem à APCC as flores para os seus carros do cortejo da Queima das Fitas.

Pelo décimo-quinto ano consecutivo, um grupo de utentes da Associação vai produzir as coloridas flores de papel que ajudam a fazer uma das mais conhecidas tradições da Cidade. Até ao dia 21 de abril, os estudantes podem responder afirmativamente ao mote “Tu fazes a festa, nós fazemos as flores!” e fazer a sua encomenda, ligando para os números 239 792 120 ou 239 802 820 (através deste último, podem também obter informações sobre preços ou outras e esclarecer qualquer dúvida).

Ler mais

APCC esteve na Futurália, a convite do Programa Operacional Capital Humano

A APCC esteve presente na Futurália – Feira de Educação, Formação e Orientação Educativa, no passado dia 1 de abril, para dar a conhecer o seu Centro Qualifica. O convite partiu do Programa Operacional Capital Humano e decorreu no Espaço Capital Humano, no âmbito das iniciativas dedicadas à aprendizagem ao longo da vida.

Aquele projeto da Associação, que se distingue por uma intervenção diferenciada junto das pessoas com deficiências e incapacidades ou outras com necessidades especiais, foi considerado um dos casos de sucesso entre aqueles financiados pelo Fundo Social Europeu, num grupo que incluiu ainda iniciativas em áreas como a tecnologia, a robótica, as tecnologias da informação, a cozinha ou o turismo, entre outras.

Desta...

Ler mais