fbpx

Unidades Residenciais

Nem tanto ao mar, nem tanto à terra, mas isto não foi nenhum meio-termo: utentes do Lar Integrado divertiram-se a sério com a canoagem no rio!

Quanto mais pensamos no longo tempo que já levamos entre confinamentos, restrições à circulação ou limitações à ocupação dos espaços públicos, mais vontade temos – continuando a respeitar as regras necessárias para assegurar a segurança de todos, claro – de sair de quatro paredes e desfrutar da liberdade dos espaços abertos. Quem diria que não, por exemplo, a uma ida à praia fluvial? Ou a uma volta de canoa pelo rio? Ou a um almoço entre amigos?

Pois houve de tudo isto, ontem e anteontem, para dois grupos de utentes do Lar Integrado da APCC, graças à iniciativa e ao empenho do Departamento de Educação Física e Desporto em manter os espíritos animados e os corpos ativos! Na praia de Palheiros e Zorro, só mesmo o sol é que se mostrou contido… no mais, houve tempo para algumas estreias na canoagem, muitas gargalhadas à conta de molhadelas imprevistas e umas quantas picardias saudáveis, tudo devidamente ‘condimentado’ por uma inesgotável boa disposição.

E até...

Ler mais

Utentes do Lar Integrado foram à conquista da Serra e chegaram ao topo como vencedores (por muitas razões!)

Se fizermos uma lista do que faz bem à saúde, é muito provável que lá encontremos coisas como a prática de exercício físico, o contacto com a natureza e até a confraternização entre amigos. Pois bem, houve tudo isso no final da semana passada, quando o Duarte Mendes, o Marco Pinheiro, a Raquel Semedo e a Sandra Marques se lançaram à conquista da serra e foram do Castelo da Lousã até ao Talasnal, numa caminhada de um pouco mais de dois quilómetros que os deixou inevitavelmente cansados, mas também imensamente felizes.

Ao longo do percurso pelo meio da floresta – subindo em torno da Capela do Sr. dos Aflitos, descendo ao longo da Ribeira de São João, passando pela Central Hidroelétrica da Ermida e cruzando a Ribeira de São João, até iniciar a íngreme e ziguezagueante subida final ligeiramente facilitada por pequenos ‘degraus’ de xisto – todos seguiram no seu ritmo, hidratando-se frequentemente, como o calor obrigava, e parando sempre que o cansaço o pedia ou a beleza da paisagem o tornava inevitável.

Ler mais

Um Tour à Alegria, uma Vuelta ao Entusiasmo, um Giro à Felicidade, uma Volta ao Riso: no Dia da Bicicleta, a etapa-rainha ligou o Lar de Apoio à Quinta da Conraria!

Não foi um contrarrelógio, mas todos se apressaram para entrar nas carrinhas que os levariam do Lar de Apoio à Quinta da Conraria. Não se tratou de nenhuma etapa decidida ao sprint, mas cada um quis ser o primeiro a saltar para cima da bicicleta. E não houve nenhuma chegada em alta montanha, mas a alegria esteve sempre em altas. E também não veio nenhum carro-vassoura, porque não se verificou nenhuma desistência num dia cheio de animação!

Ontem celebrou-se o Dia Mundial da Bicicleta e a Quinta da Conraria recebeu um pelotão muito especial, composto por utentes do Lar de Apoio da APCC, que aproveitaram o mote para uma jornada de muitas brincadeiras, sempre em duas rodas! Foi mesmo um dia em cheio, em que puderam ser o João Almeida, o Peter Sagan ou o Chris Froome, mas, sobretudo, puderam ser eles próprios!

Ler mais

No Lar Integrado, o caminho faz-se caminhando e o retomar da normalidade também

No Lar Integrado da APCC, depois de muitos meses em que foi necessário, para a proteção de todos, mudar tanta coisa – suspendendo temporariamente saídas, estreando uma cabine para falar com os familiares ou fazendo mais telefonemas e videochamadas do que nunca – já se sente há algum tempo a brisa de uma certa (nova) normalidade. Os pequenos passeios e as caminhadas, por exemplo, voltaram a fazer parte do quotidiano, mas não pensem que estamos simplesmente a falar de andar de um ponto A para um ponto B…

É que no comando da atividade está a coordenadora do Departamento de Educação Física e Desporto, Anabela Marto, que juntou um grupo de residentes naquela unidade residencial para aquilo que se podem classificar como treinos preliminares… Para quê? Não podemos ainda dizer, mas o que podemos garantir é que tem sabido muito bem a todos este retomar do exercício físico, ainda por cima muitas vezes em contacto próximo com a natureza!

Juntando a ...

Ler mais

Lá para setembro, vão poder comer-se araçás-rosas no Lar de Apoio… mas primeiro temos de explicar o que aconteceu no Dia da Árvore

Desde ontem que há um cheirinho a Brasil no Lar de Apoio e tudo graças ao Dia da Árvore!… Passamos a explicar: para assinalar aquela data, os utentes daquela unidade residencial da APCC plantaram um pé de araçá-rosa, uma planta originária de terras brasileiras! Vai ficar no terraço, para que todos partilhem a responsabilidade de a regar e cuidar, e foi desde logo motivo para muitas perguntas…

«Como são as flores do araçá-rosa?» São brancas e com muitos estames e, se tudo correr bem, já vamos poder vê-las a partir de junho! «A que sabem os frutos?» Têm um sabor adocicado, semelhante ao da goiaba! «E quando podemos comê-los?» Amadurecem entre setembro e março, por isso, daqui a meio ano já devemos poder beber um sumo, comer uma compota ou simplesmente saborear um araçá-rosa no Lar de Apoio!

Talvez este...

Ler mais