Projetos

Já houve aromáticas e râguebi, mas há muito mais (agricultura e desporto) à espera dos alunos do Myerscough College em estágio na APCC

Não é uma parceria tão antiga quanto a aliança luso-britânica, mas podemos assegurar que é bastante forte e acarinhada pela APCC: a relação entre a Associação e o Myerscough College, a maior instituição do Reino Unido na educação e formação especializadas para as indústrias agrária e do desporto, dura já há vários anos e tem sido concretizada, nomeadamente, através do acolhimento em Coimbra de alunos daquela escola inglesa para períodos de estágio.

Foi neste contexto que um grupo de oito estudantes e quatro professores – de áreas como a agricultura, a horticultura e a pecuária – iniciou esta semana um estágio de trabalho e aprendizagem, que será centrado sobretudo nas atividades desenvolvidas na Quinta da Conraria. Estão previstos ateliês nos setores de EcoAromas, Quinta Biológica e Quinta Pedagógica, mas também haverá lugar para o desporto.

Ler mais

Técnicos de Portugal, Áustria e Roménia reunidos na APCC tendo em vista a melhoria de serviços na área da saúde mental

Mais de duas dezenas de profissionais na área da saúde mental, oriundos de Portugal, Áustria e Roménia, estão desde ontem em Coimbra, no âmbito de um curso de formação promovido pelo projeto europeu MAGISTER, o qual pretende contribuir para aumentar a qualidade dos serviços prestados neste domínio e, dessa forma, promover a inclusão social das pessoas afetadas por alguma forma de doença mental.

Até ao final desta semana, aqueles técnicos participarão em diversas sessões – todas realizadas no Centro de Reabilitação da APCC – dedicadas a temas como personalidade, traumas, conflitos, abordagens terapêuticas, formas de intervenção ou métodos inovadores de comunicação, entre outros. Este será o segundo de quatro módulos deste curso, tendo o primeiro sido realizado em março passado, em Bucareste (Roménia) e estando os próximos previstos para junho e julho deste ano.

Ler mais

Diretora de instituto de reconhecida universidade húngara visitou a APCC no âmbito de parceria

Desde 2015, foram já vários os estudantes da Universidade Eötvös Lorand, da Hungria, que realizaram estágios de trabalho na APCC. A colaboração entre as duas instituições tem sido estreita e com benefícios mútuos, extensivos aos alunos participantes, pelo que foram muito positivos os sinais recolhidos pela diretora do Instituto de Necessidades Educativas Especiais para Pessoas com Comportamento e Cognição Atípicos daquele estabelecimento de ensino superior, numa visita à Associação.

Durante a sua estadia em Coimbra, na passada semana, Anita Virányi ficou a conhecer várias valências da APCC – esteve no Centro de Reabilitação de Paralisia Cerebral e na Quinta da Conraria – mas pôde também acompanhar durante algum tempo a aluna Orsolya Zsövenyi-Lux, atualmente a realizar um estágio de 12 semanas na Associação, dirigido para as áreas da pedagogia e do trabalho com crianças com paralisia cerebral.

Ler mais

Parceiros europeus vieram a Coimbra fazer balanço de projeto comum e conhecer a APCC

No âmbito do projeto DARE, que junta a APCC e organizações de Itália, França, Bélgica e Roménia com o objetivo de experimentar formas inovadoras de gerir diferentes tipos de serviços de assistência domiciliária, um grupo de 14 dirigentes e profissionais dos parceiros envolvidos esteve em Coimbra, na passada semana, para conhecer a realidade da Associação.

Ao longo dos três dias que durou este encontro de trabalho, foram dados a conhecer os modelos de funcionamento postos em prática na APCC, mas também as infraestruturas e os equipamentos que os suportam, bem como alguns dos profissionais que os desenvolvem. Assim, e além de uma atenção particular dada aos Serviços Domiciliários e ao recém-criado Centro de Apoio à Vida Independente, foram realizadas visitas ao Centro de Reabilitação, à Quinta da Conraria e ao Lar Integrado.

Ler mais

Comitiva italiana visitou a APCC para conhecer práticas de agricultura social

Um grupo de responsáveis políticos e associativos de Itália realizou ontem uma visita de trabalho à Quinta da Conraria, para conhecer a atuação da APCC na área da agricultura social. Faziam parte desta comitiva responsáveis autárquicos do município de Porto Tolle e elementos das associações C’entro e Luce sul Mare, das cooperativas sociais Castel Monte, Titoli Minori e La Goccia e da fundação IRPEA – Istituti Riuniti Padovani di Educazione e Assitenza.

Reunindo pessoas com interesses nas áreas da agricultura, serviço social, voluntariado e turismo, a visita teve particular enfoque na Quinta Biológica e no setor de agricultura convencional, embora tenha também sido visitada a Quinta Pedagógica “O Caracol” e abordada a área da jardinagem. Nas interações com os profissionais da APCC, e além de aspetos mais técnicos relativos à vertente agrícola, foram ainda trocados pontos de vista sobre as vantagens das atividades de agricultura social para os utentes nelas envolvidos.

Ler mais