fbpx

Para ver no ISCAC: inaugurada a exposição “O Processo de Identidade”, do artista da APCC Humberto Arromba

“O Processo de Identidade” não é só uma exposição patente na Coimbra Business School – ISCAC, com obras da autoria de alguém que desenvolve a sua atividade criativa na APCC. Porque os 16 desenhos que Humberto Arromba mostra publicamente são o resultado de um trajeto, ponto atual de um caminho que escapou à linearidade, mas que levou tanto à ‘construção’ do artista que agora se apresenta, como à afirmação do estudante daquela instituição de ensino superior. Esta é também, portanto, uma exposição que conta uma história de transformação e descoberta.

Na inauguração – que decorreu ontem e contou com a presença de Humberto Arromba, mas também dos presidentes da APCC, Carlos Condesso, e da Coimbra Business School – ISCAC, Alexandre Silva – foi vincada precisamente a ligação entre aquelas duas dimensões e a forma como ambas serviram de estímulo mútuo, num processo em que foi protagonista principal o próprio artista/utente/aluno, mas em que a colaboração entre as duas entidades foi também decisiva, num caso de sucesso a vários níveis.

No que ao restant...

Ler mais

Estamos todos juntos: o Dia Internacional da Biodiversidade na Quinta da Conraria

Ontem foi o Dia Internacional da Biodiversidade e é evidente que, na APCC – e, em particular, na Quinta da Conraria, tendo em conta as aprendizagens que se podem fazer na Quinta Pedagógica “O Caracol”, mas também a imensa riqueza natural do espaço – não podíamos deixar passar a data em claro! E assim, os utentes aos utentes do CACI (Centro de Atividades e Capacitação para a Inclusão) e do CAARPD (Centro de Atendimento, Acompanhamento e Reabilitação Social para Pessoas com Deficiência) e os alunos em Plano Individual de Transição foram convidados para uma sessão em que muito se aprendeu!

O objetivo era explicar a importância de conservar a diversidade biológica para o equilíbrio dos sistemas naturais e a sobrevivência das espécies… e, com um exemplo tão vivenciado por todos quotidianamente ali à mão, fazê-lo recorrendo a exemplos concretos de algumas espécies existentes na Quinta da Conraria era ‘obrigatório’! Não faltou quem tivesse ficado surpreendido, por exemplo, com a importância que uma cobra pode ter para que uma deliciosa fatia de bolo nos chegue ao prato, mas muitos utentes mostraram também já compreender bem a importância da biodiversidade.

Ler mais

Utentes do Lar de Apoio no Machado de Castro e Universidade, para celebrar o Dia (a seguir ao Dia) Internacional dos Museus

No fim de semana em que se assinalou o Dia Internacional dos Museus (celebrado anualmente a 18 de maio), os residentes do Lar de Apoio aproveitaram o mote e foram, ontem, visitar dois ex-libris de Coimbra: o Museu Nacional de Machado de Castro e o Pátio das Escolas! Ao explorarem os corredores do museu e aquele espaço histórico da Universidade de Coimbra, os jovens utentes da APCC alargaram os seus horizontes culturais e passaram a sentir-se também parte da história da cidade e do país!

Foi, por isso, uma ocasião em que cada elemento de património com que puderam interagir ou observar foi um pretexto para a curiosidade, mesmo que o rigor histórico tenha precisado de concorrer com a imaginação a cada resposta dada… De qualquer forma, todos tiveram a oportunidade de construir mais uma memória significativa – porque é mesmo isso que é proporcionado, afinal de contas, pela magia própria dos espaços museológicos.

Ler mais

Já está em curso mais um ciclo do milho na Quinta da Conraria

Na passada semana, repetiu-se uma espécie de ‘ritual’ que marca sempre a vida da Quinta da Conraria: a semeadura do milho. Foi mais um passo de um processo realizado com todo o rigor, que levou anteriormente à fertilização e gradagem do solo, mas que marca o momento imediatamente anterior a algo que todos os que frequentam a Quinta gostam sempre de ver: o surgimento do milheiral e das suas cores características, que se acrescentam à já rica paleta cromática daquele espaço.

Foram cerca de 900 mil sementes, distribuídas por cerca de 11 hectares (é a cultura realizada na Quinta da Conraria que ocupa uma área maior e também a mais mecanizada), que estarão agora prestes a germinar, prevendo-se que a colheita das espigas possa ser feita no início de outubro. No ano passado, foi batido o recorde de produção, com 143 toneladas, sendo que, no caso do milho, ela é toda dirigida para consumo externo.

Ler mais

“O Processo de Identidade”: ISCAC recebe obras de Humberto Arromba, mais um artista da APCC a expor em nome próprio

Chama-se “O Processo de Identidade”, é a primeira exposição de Humberto Arromba, um dos artistas plásticos que exerce a sua atividade criativa na APCC, e terá lugar na Coimbra Business School – ISCAC. Vai ser inaugurada no dia 22 de maio, pelas 15H00, com a presença do autor e de representantes das duas entidades, e reúne um conjunto de obras no domínio da pintura, que ficarão patentes até 21 de abril.

Ao expor as suas obras na Coimbra Business School – ISCAC, o artista Humberto Arromba – que é também Humberto Arromba, estudante da instituição – não só apresenta a sua identidade artística, mas também permite que sejamos testemunhas dos resultados de um processo de transformação profundo. Na multiplicidade de existências que foi precisando descobrir ao longo do seu percurso de vida, mostra-se particularmente relevante aquela que construiu a partir da descoberta da pintura e o renascer que esse momento representou.

Ler mais