Um dia dedicado à sustentabilidade ambiental para celebrar 44 anos de dedicação à inclusão social

É a 25 de novembro que a APCC celebra o seu aniversário, pelo que ontem foi dia de festa pelos 44 anos da instituição. Mas foi também uma oportunidade para, na linha daquela que tem vindo a ser a sua ação, intervir na comunidade. A iniciativa “Salvar a Terra” juntou a comunidade que constitui a Associação e a comunidade local, em três momentos distintos com o objetivo comum de contribuir para a sustentabilidade do planeta.

O primeiro desses momentos foi o debate “A sustentabilidade global não pode acontecer sem sustentabilidade local”, em que participaram Helena Freitas (professora da Universidade de Coimbra e antiga Provedora do Ambiente da cidade), João Serôdio (ativista e fundador do ClimAção Centro) e João Alberty (técnico superior da Agência Portuguesa do Ambiente – Administração da Região Hidrográfica do Centro), com a moderação a cargo do jornalista Miguel Midões.

Em cima da mesa estiveram temas como, inevitavelmente, as alterações climáticas, mas também a questão demográfica, os sistemas alimentares ou a poupança da água, numa interessante troca de opiniões entre convidados de excelência, que apontaram ainda a APCC como um exemplo do que pode ser feito ao nível local, em áreas como o consumo, a economia ou o tratamento de resíduos.

Numa conversa perante mais de 100 pessoas – que encheram a Sala Multiusos da Quinta da Conraria – e que ‘viajou’ por Portugal, Estados Unidos, China, Índia e Brasil (em particular, a Amazónia), também os formandos da Associação puderam intervir, mostrando estar bastante informados sobre a problemática em causa. No final, duas mensagens passaram: a de que é urgente mudar comportamentos e a de que seremos, todos juntos, capazes de fazer a mudança necessária.

Foi depois altura de passar das palavras aos atos, com uma ação que previa a colocação de uma ecobarreira na ponte do rio Ceira junto à Quinta da Conraria, visando impedir o lixo flutuante de chegar ao Mondego e, consequentemente, ao mar. Este tipo de estrutura foi uma das estratégias utilizadas antes da realização dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, com o objetivo de reduzir a poluição na Baía de Guanabara. Além dos seus efeitos práticos, é também uma forma de consciencializar para o problema concreto da poluição fluvial.

Apesar de o caudal do rio não ter permitido concretizar a intenção de deixar a ecobarreira – construída reutilizando mais de 100 garrafões de plástico – já instalada, ficou o gesto simbólico e a certeza de que ela será instalada assim que existam as condições para tal. Para tal, a APCC voltará a ter a colaboração da Agência Portuguesa do Ambiente, dos Bombeiros Sapadores de Coimbra e da Junta de Freguesia de Santa Clara e Castelo Viegas.

Mas não se ficou por aqui a intenção de “Salvar a Terra”: de tarde, formandos e formadores participaram numa ação de limpeza, que começou pelos espaços da Quinta da Conraria (com a boa notícia de que o comportamento de todos os que estudam e trabalham naquele local tem contribuído para reduzir em muito o lixo que ali se pode encontrar) e se prolongou pelos espaços envolventes. No final, o lixo recolhido foi desde logo separado e colocado nos respetivos ecopontos.

Esta iniciativa foi promovida pelo Departamento de Serviço Social da Formação Profissional da APCC, tendo sido desenvolvida na continuidade de diversas atividades, realizadas junto dos formandos, de sensibilização para a importância das ações diárias locais para a preservação do meio ambiente e as alterações climáticas globais. O objetivo foi desenvolver práticas exemplares e promover a melhoria da qualidade ambiental e, consequentemente, da qualidade de vida.

A área de formação profissional da APCC tem uma oferta alargada e reconhecida pelo mercado, devidamente certificada, com níveis de qualidade elevados e distinguidos por diversas entidades nacionais e europeias. Abarca áreas como mecânica automóvel, jardinagem ou cozinha, entre muitas outras. Para saber mais e realizar a sua inscrição, pode consultar a página Web do Centro de Formação.